Detona esse brócolis!

No almoço, o Rafa estava enrolando pra comer. Então eu disse:
– Vai, Rafinha, detona esse brócolis!
De boca cheia e com cara de desespero, ele respondeu:
– Eu tô me próprio detonando…

(Rafael, 6 anos)