Melhor

– Mamãe, você acha o Shrek bonito?
– Mais ou menos, meu filho. Você acha ele bonito?
– Eu acho ele feliz.

(Lucas, 3 anos)

 
 
 

Tamanho não é documento

– Prof. sabia que eu vou ter um namorado?
– É mesmo?! Mas só depois que crescer bastante, não brincar mais de boneca e não usar chupeta.
– Crescer muito? Quanto?
– Bastante, Maria Valentina.
– Igual você?
– Sim.
– E você tem mais ainda pra crescer? Porque você não tem namorado.

(Maria Valentina, 3 anos)

 

Amor

Eu estava fazendo comida e a Laura me pediu um beijo. Como eu estava toda suada, cheirando a temperos, falei:
– Filha, estou fedida…
– Está cheirando mãe.
– E mãe tem cheiro?
– Tem, sim. Cheira amor.

(Laura, 3 anos)

 

Bons olhos

– Tia, você é muito bonita.
– Obrigada!
– Eu sou gentil com as damas porque todas elas são bonitas, até as velhas.

(Breno, 7 anos)

 

Saidinha

A irmã da minha amiga ia sair e pediu para ela ficar com a Carol em casa. Mas ela tinha que sair escondida, senão a pequena ia chorar e querer ir com ela. Distraída, a Carol nem viu a mãe sair, mas quando deu falta, gritou pela casa:
– Mãe?
E a tia respondeu:
– Oi.
Ela chamou de novo:
– Mãe?
E a tia respondeu de novo:
– Oi.
– Você é a minha mãe?
– Sim.
– Se você é a minha mãe, então cadê a minha tia?

(Carol, 4 anos)

 
 

Seu mestre mandou

O Arthur estava brincando com o pai de “seu mestre mandou”. O pai falou:
– Tudo que o mestre mandar…
E o Arthur respondeu:
– Faremos o possível!

(Arthur , 5 anos)

 

Graça

Antes de almoçarmos, pedi para que o Luiz Guilherme fizesse uma oração:
– Senhor, abençoa os nossos pecados. Amém!

(Luiz Guilherme, 6 anos)

 

Empatia

Eu estava muito triste por conta de problemas pessoais. Alice percebeu e disse:
- Você quer que eu te empreste o meu livrinho de colorir?

(Alice, 9 anos)